Discursos

“Em Alagoas faltam médicos, professores, policiais, é o Estado da ‘fartura’”, disparou Medeiros.

11 Setembro de 2013

O deputado Ronaldo Medeiros iniciou sua fala durante a sessão desta quarta-feira (11), falando sobre a situação da violência no Estado. O parlamentar afirmou não conseguir entender o fato de um Estado tão violento, ter uma reserva técnica de policiais militares ainda do concurso de 2006 aptos para o trabalho e não serem chamados.

“A situação de Alagoas é crítica, são mortes, assaltos e diversos outros crimes praticados diariamente. O efetivo da Polícia Militar está totalmente defasado e o Governo ainda é lento quanto a nomeação de novos militares. Nós temos uma reserva técnica da Polícia Militar do ano de 2006 que não foi chamada, apesar do edital contemplá-los, quase 1000 policiais que tiveram que recorrer a justiça para assumir, no mês passado houve um ganho de causa no Tribunal de Justiça e o Estado recorreu dessa decisão, o que é inadmissível, pois eu estive conversando com o Governador e com o Secretário Dario e me afirmaram que não recorreriam da decisão”, observou Medeiros

O deputado acrescentou ainda não suportar mais a onda de violência que se espalhou em Alagoas e o fato do Governo ainda negligenciar não convocando policiais, “hoje, no mínimo para funcionar as delegacias e passar uma mínima sensação de segurança para a sociedade necessitamos de aproximadamente 5 mil homens”.

Medeiros afirmou temer pelo próximo governador, pois de certo encontrará um Estado numa situação muito difícil “faltam médicos, professores, policiais, é o Estado da Fartura onde falta tudo e o Governo continua a ignorar o nosso apelo e o das ruas”.

Ainda em sua fala o petista observou que o Governo não pode fazer um novo concurso enquanto não forem convocados os aprovados no concurso anterior, “eu também estou acompanhando os concursados de 2012 e segundo o secretário Dario, no dia 19 vai sair a relação com o resultado final dos aprovados, espero que realmente saia, mas que não esqueçam dos cerca de 960 que estão na reserva de 2006 e no de 2012 ainda tem mais mil também na reserva”.

www.DeputadoRonaldoMedeiros.com.br